Ginástica na piscina: saúde para todos os gostos

 
 
As aulas de spinning, corrida, musculação e ioga saíram das salas de ginástica e caíram na piscina. Disputando espaço com modalidades tradicionais, como a natação e a hidroginástica, as novas atividades aquáticas atraem alunos que querem perder peso ou simplesmente manter a forma, além de ser uma excelente alternativa para quem tem problemas nas articulações e coluna, já queo impacto do exercício dentro da água é reduzido.
Os exercícios realizados na piscina apresentam inúmeras vantagens. Além do fortalecimento da musculatura, o aluno é beneficiado pela pressão hidrostática (exercida quando o corpo está submerso) e pelo efeito massageador da água, que favorece a circulação sanguínea, diminui o impacto e ajuda na recuperação da musculatura. "Qualquer atividade aquática melhora a capacidade cardiorrespiratória, a postura, o ganho de resistência muscular e localizada", explica Fabiana Guerra, professora e coordenadora de atividades aquáticas do Projeto Acqua.
Os nomes das atividades mudam um pouquinho - deep runner (corrida aquática), hidrospinning ou hidrobike (spinning na piscina), acqua ioga (ioga na água) etc - mas o gasto calórico, na maioria dos casos, é maior do que na malhação "em solo" e o corpo não fica tão cansado. "Na água o aluno trabalha com perda de calor mais rápida e perde mais do que na terra" esclarece Roberta Rosas, diretora técnica da Hidrobike.
Conheça as modalidades aquáticas
Deep Runner
O aluno não toca os pés no chão e trabalha os músculos inferiores. Além do exercício aeróbico, o deep runner exige dos alunos coordenação motora para manter o equilíbrio que, em função da resistência da água é, no mínimo, 12 vezes maior do que no ar.
Hidrospinning ou Hidrobike
O aluno pedala dentro da piscina com a hidrobike (bicicleta semelhante à de spinning) em diversas posições, trabalhando a parte posterior e anterior da coxa, perna e membros superiores. Desenvolve força e resistência muscular, além de o risco de sofrer lesões ser muito baixo, Em 40 minutos de aula, é possível queimar até 400 calorias.
Aquatrekking
O Aquatrekking é um circuito radical de aventura, que reúne quatro modalidades:
Rapel aquático: exercícios feitos em cordas suspensas sobre a piscina.
Hidrobike (ou hidrospinning): em bicicletas aquáticas, o aluno pedala em inúmeras variações de movimentos.
Musculação aquática: exercícios de força para enrijecimento e ganho de massa muscular. Utiliza aparelhos resistivos, tensores elásticos e pesos livres.
GAP aquático: trabalha glúteos, abdômen e perna dentro da água, usando caneleiras flutuadoras e pesos. Tonifica e fortalece a região abdominal, lombar, coxa e pernas. O gasto calórico desta aula é alto, em torno de 500 calorias.
Body Mix
Misturar exercícios dentro e fora da piscina é outra tendência das academias. A aula de Body Mix mescla o treino em solo (15 minutos de bicicleta e 15 de abdominais) e na água (30 minutos de corrida aquática - deep runner).
Acqua Ioga
A aula de ioga na água ou acqua ioga trabalha o aspecto psicológico, a sustentação do corpo e o equilíbrio. Os exercícios respiratórios (pránayáma) são realizados na parte mais funda da piscina, com até 1,90 metro, de modo que os ombros fiquem em imersão. 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Para mais informações entre em contato:
acadhemia@gmail.com
83 98730 5644 (só mensagem).

 

Subscribe to our Newsletter

Contact

Email us: acadhemia@gmail.com

Our Team Memebers