Os diferentes tipos de proteínas e o uso esportivo


As proteínas são macronutrientes compostos de carbono, nitrogênio, hidrogênio e oxigênio, primordiais em nossa alimentação, pois fornecem os aminoácidos essenciais os quais nosso organismo não são capazes de sintetizar (produzir).
O mais conhecido entre os praticantes de atividades físicas é o BCAA (Valina, Leucina e a Isoleucina) usado para recuperação muscular e diminuição da fadiga.
O uso de suplementos protéicos é muito comum entre praticantes de academia, corredores, nadadores, ciclistas, entre outros, mas, muitas vezes são utilizados de forma errada e, ao invés de ajudar, podem até comprometer o desempenho e a saúde.
Um erro corriqueiro é a quantidade protéica ingerida antes e depois da pratica da atividade física, pois não existe um protocolo que possa direcionar uso desse substrato.
Uma coisa é certa, nosso organismo possui um pool (reserva) protéico muito reduzido, aonde não consegue armazenar uma quantidade de proteína muito grande, portanto, seu uso exagerado poder causar danos renais e hepáticos, além de todo esse excesso ser eliminado na forma de creatinina (excesso de proteína na urina).
Outro processo bioquímico que ocorre com o excesso protéico em demasia é o aumento da lipogênese (formação de gordura), pois todo excesso protéico não utilizável é convertido em lipídeo.
Uma dúvida muito frequente entre atletas e praticantes de atividades é qual o tipo de proteína devemos utilizar antes ou depois do treino, no café da manhã e antes de dormir, etc. Para resolver essa questão, elaboramos um quadro explicativo abaixo com a recomendação dos tipos de proteínas existentes no mercado:
 
**********
ALBUMINA
CONCENTRADA
ISOLADA
SOJA
HIDROLIZADA
CASEINATO
BCAA
MANHÃ
         x
             x



          x

PRÉ - TREINO
         x
             x



          x
         x
PÓS - TREINO


          x
x
            x

         x
NOITE
         x

         


          x

 
Albumina – Proteína proveniente do Ovo, mais especificamente da clara, que possui um alto valor biológico e um lenta absorção, propiciando seu uso principalmente no pré-treino e antes de dormir.
Whey Concentrada ou Mix Protéico – Geralmente utilizadas no pré-treino devido à média absorção.
Isolada – Proteína de rápida absorção, tem bastante eficácia no pós-treino.
Soja – Proteína Isolada de Soja. Tem um baixo valor biológico devido a baixa oferta de seus aminoácidos, mas pode ser usada por vegetarianos, pessoas com alergia ao soro do leite ou a lactose. Geralmente é utilizada no pós-treino.
Hidrolizada – É a proteína de maior rapidez absortiva, muito utilizada no pós-treino.
Caseinato ou Micelar – É a proteína do leite que tem liberação gradual, pode proporcionar uma oferta protéica durante várias horas. Recomenda seu uso principalmente  no pré-treino e a noite antes de dormir.
BCAA - Tem como principal função diminuir a fadiga muscular e a recuperação. Utilizado no pré-treino e no pós-treino.

FONTE: Ativo.com

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Para mais informações entre em contato:
acadhemia@gmail.com
83 98730 5644 (só mensagem).

 

Subscribe to our Newsletter

Contact

Email us: acadhemia@gmail.com

Our Team Memebers