Seu Metabolismo sempre em alta!!!


Anne Kaline Duarte de Aguiar
Assessoria Desportiva e Qualidade de vida
Personal Trainer
Cref 002572 - G/PB


Pelo que todo mundo imagina, comer mais vezes ao dia ajuda a emagrecer, basta saber escolher os alimentos certos. Infelizmente essa ideia que jejum ajuda perder peso ainda permanece na cabeça de muita gente, com isso apenas se consegue desencadear um desequilíbrio no metabolismo, sistema hormonal, comportamento alimentar, dessa volta resulta na dificuldade em perder peso e manter o corpo em forma. Quando ficamos muito tempo sem comer, nosso organismo percebe como um estado de jejum e começa a poupar energia, é uma forma de adaptação natural esse mecanismo. Com isso começa a liberar um hormônio chamado Cortisol, no qual se eleva toda vez que deixamos de fazer uma refeição, ele é produzido pela glândula supra renal a partir do colesterol.
Ficar sem se alimentar por períodos longos traz como consequência a dificuldade de ganhar massa muscular ou ainda a perda dela, isso se dar porque o nosso organismo para funcionar bem depende da energia proveniente dos alimentos em particular os carboidratos, porém de forma moderada e quando falta essa energia a massa muscular é utilizada como fonte de energia, fica dica principalmente para as mulheres que restringem a alimentação de carboidrato.
Temos que garantir as refeições de forma fracionada, nosso café da manhã que às vezes é excluído por muitas pessoas com a desculpa que n]ao sentem fome pela manhã é a nossa principal refeição do dia AI ME PERGUNTAM  O PORQUE: Depois de uma noite de sono, ficamos em jejum por um longo período ( pelo menos 8 horas), dessa forma o organismo precisa ser ativado para começar a funcionar de forma acelerada. Na hora do lanche tente dar prioridade a frutas, cereais integrais, queijo magro, pão intergral entre outros. Esse mecanismo de fracionar as refeições promove aceleração de metabolismo evitando um sobrecarga de energia e consequentemente o depósito de gordura.
Prefira alimentos com baixo Índice Glicêmico (IG) ou seja, esse é um indicador da velocidade de transformar o carboidrato em glicose, como um alimento ingerido aumenta a glicemia ( nossa glicose no sangue). Esse aumento da glicose no sangue provoca a secreção do hormônio insulina, ele é responsável por retirar as moléculas de açúcar da nossa circulação e utilizar para dentro das células como forma de energia e quando se produz esse hormônio em excesso, acontece que nosso corpo produz mais gordura, isso porque o excesso de açúcar irá se transformar em triglicérides é a forma que a gordura circula em nosso corpo.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Para mais informações entre em contato:
acadhemia@gmail.com
83 98730 5644 (só mensagem).

 

Subscribe to our Newsletter

Contact

Email us: acadhemia@gmail.com

Our Team Memebers