O Lactato causa Fadiga Muscular?


Na teoria, ela é definida como a incapacidade na manutenção de determinada potência, e esta ligada às alterações metabólicas que ocorre durante os exercícios físicos, impedindo que as células do corpo trabalhem normalmente.
O vilão da fadiga muscular por muitos anos foi o Lactato. “O primeiro estudo que demonstrou um aumento no lactato após estimulação do músculo é de 1907. Posteriormente, dois pesquisadores – Hill e Lupton – ganharam o premio Nobel em 1923 ao demonstrar que, durante o exercício intenso, o lactato aumento no músculo e no sangue em decorrência da deficiência de oxigênio. Com isso, a produção de energia é prejudicada e é necessário interromper o exercício.
Porém, sabemos hoje que o aumento de lactato unido a deficiência de oxigênio não leva a fadiga e com isso falha do exercício. Um estudo mostrou que a concentração de lactato ao fim de uma atividade física de intensidade máxima em altitude era menor do que ao nível do mar. Se o modelo inicial estivesse correto, os maiores valores seriam em altitude por conta da deficiência de oxigênio.
O vilão da fadiga muscular hoje é o Hidrogênio. Por exemplo, quando são feitos tiros, a necessidade de produção de energia é muito alta. E, junto a isso, a liberação de hidrogênio. Quanto mais intenso o exercício, maior a produção de H+ e maior a acidez muscular. O problema e que a acidez desfavorece a atividade de enzimas fundamentais para produção de energia.
Mas por que após atividades intensas há altas concentrações de lactato?a resposta, é que exercícios intensos requerem mais energia e, essa intensidade, o metabolismo enaeróbio (ou seja, com maior produção de lactato que a capacidade de removê-lo) é a forma predominante. O lactato em vez de vilão, até ajuda os corredores. Caso não fosse produzido durante a prática, a acidose e a fadiga muscular aconteceriam mais precocemente e o desempenho no exercício seria prejudicado.
Por isso, a acidez do músculo vem do excesso de hidrogênio gerado pela própria produção de energia, e não de aumento da concentração de lactato

ADRIANO,Silva – MESTRE EM CIÊNCIA DO MOVIMENTO HUMANO - UDESC
MATSUURA, Cristiane – DOUTORA EM ATIVIDADE FÍSICA E DESEMPENHO HUMANO –UGF, TESSUTTI, Lucas – DOUTORADO EM BIODINÂMICA DO MOVIMENTO HUMANO – UNICAMP


FONTE:  Mfpersonal.blogspot.com
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Para mais informações entre em contato:
acadhemia@gmail.com
83 98730 5644 (só mensagem).

 

Subscribe to our Newsletter

Contact

Email us: acadhemia@gmail.com

Our Team Memebers